quarta-feira, 23 de agosto de 2006

O problema de ouvir a Rádio Clube Português numa viagem longa

Depois do Zirtex para me acalmar a comichão na baba (leia-se borbulha; eu chamo-lhe baba quando são provenientes de picadas de insectos) de 5cm de raio na perna, consigo finalmente ceder ao imenso sono com que lutei nos últimos 70kms.

[sono descansado]

Acordo com a Céline a gritar-me ao ouvido:

“Coze aime iór leidééééééé.. ande iu ar mai méééééne…”

Levanto, entusiasmadíssima (que mais?!), a cabeça e desato numa gritaria desenfreada (leia-se começo a cantar) juntamente com a condutora que já o fazia antes, perante o meu sono profundo.
Ainda mal tive tempo de inalar por mais que meio segundo e já se lhe segue a Whitney (Diz não às drogas!), mais calminha – felizmente!

“I believe that children are our future
Teach them well and let them lead the way..

I decided long ago,

never to walk in anyone's shadows
If I fail, if I succeed
At least I live as I believe
No matter what they take from me
They can't take away my dignity
Because the greatest love of all
Is happening to me
I found the greatest love of all
Inside of me…”

Temos finalmente direito a uma pausa para respirar decentemente – benditos anúncios! – e trocamos as primeiras impressões depois daquilo a que em alguns países se poderia considerar uma chacina musical, dando direito até a morte por pedradas às cordas vocais.

Ela – *suspiro* A minha Whitney.. Adoro esta mulher.. Tem uma voz.. … espectacular!

[ultrapassa-nos um Citröen Saxo a uma velocidade estimada de 150km/h, de matrícula francesa]

Ela – Mas quem é que, com um SAXO, tem a coragem de sair de carro do seu próprio país?!
Eu [ainda mal acordada, apesar da grita.. cantoria] – Pois..

[ouvem-se os primeiros acordes da Baker Street]

Eu – Esta é A minha música!!
Ela – Mas porquê?!
Eu – Adoro, adoro, adoro..

“You used to think that it was so easy,

You used to say that it was so easy
But you’re tryin’, you’re tryin’ now.
Another year and then you’d be happy
Just one more year and then you’d be happy
But you’re cryin’, you’re cryin’ now.
Tu ru tu tu rut u ru rum…

tu ru tu tu ru rum…
tu ru tu tu ru rum rum rumrum..
tu ru tu tu u ru rum rum…”

Eu – [contemplação] Bom.. já viste este Sol magnífico? Lindo..

“First ai was afraid ai was petrifeide
kept sinquingue ai could never live uideauteiu bai mai saide…”


[gritaria desenfreada novamente]

“ai will survaive.. eh eh!!”

[passagem entre músicas que nós aproveitamos como fonte de oxigénio]

“Tous les garçons et les filles de mon age
nha nha nhe nha nham nhe nha nham…
….Et les yeux dans les yeuxEt la main dans la main..”

Eu [apontando para o Saxo francês que ultrapassamos/nos ultrapassa pela milésima vez] – Esta podíamos cantar com os nossos amiguinhos!

Ouvem-se os primeiros acordes e começamos logo a abanar os ombros e as mãos em onda.

“In the summertime
when the weather is high,
you can stretch right up and touch the skyWhen the weather's fine,
you got women, you got women on your mind”


Ela – Estava aqui a pensar.. achas uma falta de respeito um casal de namorados fazer amor na cama dos pais ou fazer amor quando eles estão em casa?
Eu – ugh?!

[ouve-se o John Travolta]

“summer lovin' had me a blast

summer lovin' happened so fast
met some girl, crazy for me
met a guy, cute as can be
summer days drifted away
to oh, the summer nights
tell me more,
was this texas or france?
tell me more,
did you get in her pants?
AHah AHah AHah.. tu ru tutu..”


Ela – Achas que vamos apanhar trânsito na ponte?

E, de repente, quase senti vontade de ver a Floribela e abanar dislexicamente os braços na vertical ao lado das orelhas..

3 inputs:

nos as mulheres disse...

Rir foi o que fiz quando visualizei este cenario....coisa que ja fiz muitas vezes ao som do RCP ( a gritaria, a viagem etc)
Com nostalgia recordo as minhas viagens ao sou do dessa radio.
Que faça muitas viagens como essa, pelos menos com esse espirito...

Is

Dilbert disse...

LOL
Regresso de férias hilariante :D
As minhas foram boas mas também já acabaram :(
O meu regresso foi ao som da Floribela mesmo ( foram umas 3 horas de karaoke tendo como protagonista a minha catraia de 6 anitos )
Bom regresso ao trabalho ou às aulas, conforme o caso,
Jokas

ShooGirl disse...

AHAHAHAHAHAHAHAHAH o que me ri a ler isto, tá glorioso...! Gosto especialmente da parte do "Coze aime iór leidééééééé.. ande iu ar mai méééééne…” e do "AHah AHah AHah.. tu ru tutu.." do John Travolta... Muito bom...