quarta-feira, 18 de abril de 2007

trivia #5

Tsu-Chu - durante a dinastia Xia chinesa (cerca de 2200 a.C.), jogo que consistia em equipas de oito jogadores que, passando de pé para pé a cabeça do inimigo, tinham de a fazer passar entre duas estacas espetadas no chão.

Kemari - significa “chutar a bola” em japonês, só pode ser jogado por homens (equipas de oito) e a bola apenas pode tocar nos pés dos jogadores, os “mariashi” (“mari” significa bola, “ashi” significa pé).

Epyskiros – jogado com os pés num campo rectangular, varia entre os nove a quinze jogadores, consoante o tamanho do campo. A bola é feita de bexiga de porco, cheia com ar e areia. Homero fez referência a este jogo nos seus livros.

Pés e mãos – na península do lucatã, os maias criaram um jogo onde se usavam pés e mãos. O objectivo era arremessar uma bola, fazendo-a passar por um furo que ficava entre seis placas de pedras. Ao fundo do recinto de jogo havia um templo onde o atirador-mor da equipa perdedora era sacrificado.

Harpastum – praticava-se no Império Romano. Era disputado num campo rectangular dividido por uma linha. Havia duas metas às quais era preciso fazer chegar a “follis”, nome da bola feita de bexiga de boi. Era praticado pelas legiões como exercício militar (que podia durar várias horas) e foram elas que difundiram o jogo pela Ásia e África.

Soule – praticava-se na Idade Média, na zona onde hoje é França, e é uma derivação do Harpastum. A aristocracia aderiu ao jogo.

Cálcio – Nasceu em Florença, com regras estabelecidas em 1580. Introduz a figura do árbitro (havia dez) e define que a bola deve ser arremessada com os pés e mãos de forma a introduzi-la nas tendas montadas nas extremidades do campo. O tamanho do campo definia o número de jogadores, mas geralmente rondava os 30 por equipa. As praças das cidades serviam de campo e, com tantos jogadores e com os soldados a passarem os dias a jogá-lo, a violência reinava, razão pela qual o jogo veio a ser proibido sob pena de prisão.

Futebol – a obra de 1175 “Descriptio Nobilissimae Civitatis Londinae” faz a primeira menção escrita a um jogo semelhante ao futebol. Os ingleses davam chutos numa bola de couro para comemorar a expulsão dos dinamarqueses, sendo que a bola simbolizava a cabeça dos inimigos. A prática tornou-se tão popular que foram criadas equipas para jogarem com regularidade, e o jogo expandiu-se um pouco por todo o lado. Em 1710 várias escolas em Londres adoptaram o futebol como forma de exercício físico. A baliza chegou a ser quadrada com 5,5m de altura. Na segunda metade do século XVII fixaram-se as medidas do campo e decidiu-se que a bola deveria passar por entre postes de madeira (os “gol”) e que seriam onze jogadores em cada equipa. Desde 1869 que não se pode pôr a mão na bola. O guarda-redes surge em 1871. A trave das balizas, as redes e o penalti só em 1891. Em 1907 introduz-se a lei do fora-de-jogo. A FIFA é fundada em 1904 em Paris, e em 1930 realiza-se o primeiro campeonato do mundo.